quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

"Acabou-se o que era doce"

 
"Acabou-se o que era doce." "Alegria de pobre dura pouco""Quem descansou descansou, quem não descansou não descansa mais". Essas e outras frases "esconjurando" o final das férias é o que mais tem se ouvido na última semana. 

Quem dera as férias fossem eternas... Só se fosso em um universo paralelo onde as contas se pagam sozinhas, pois "férias eternas" em um mundo real significa desemprego. Aí é bom... Só que não. Então chega de chorumelas e "BORA" começar mais uma ano letivo.

Meu desafio esse ano acredito que será continuar sendo uma professora "pop" (rsrsrs), que aprecia a amizade dos alunos, mas sem deixar que isso me faça perder a autoridade, pois todo grupo precisa de um líder. 

E na sala de aula o professor é o líder que, como tal, deve ter discernimento para decidir o que é melhor para a turma. O problema é que nem sempre o que é melhor para a turma é o que a turma acha que é melhor para turma. Entendeu?!? Vou precisar de sabedoria, paciência e criatividade.

Outro desafio será motivar os alunos a irem à escola para fazerem aquilo que eles tem que fazer na escola: aprender. Aí você vai pensar: "Mas isso não é óbvio? Para que mais o cara vai à escola?". 

Respondo: para ver os amigos, mexer no Face usando o Wi-fi da escola, carregar o celular na tomada da escola, merendar, dormir, fugir da mãe que mandou o "caboco" lavar a varanda, marcar presença para não perder o Bolsa Família, etc. Mais uma vez vou precisar de sabedoria, paciência e criatividade.  

A jornada não será fácil, mas, como em tudo que faço em minha vida, prometo dar o meu melhor. Espero que meus alunos me recebam de volta (porque já foram meus alunos antes) do mesmo jeito que os receberei: com alegria, carinho e respeito.

A gente se vê na segunda-feira!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...